toque

Hoje, no banheiro de um nobre shopping. Atrás de mim, uma mãe e um filho de 4 ou 5 anos. Frase da mãe para o filho: _ Não toque em nada, filho. No banheiro, tudo é sujo. Espere – com as mãozinhas pro alto – que mamãe vai limpar o vaso, as paredes, as pessoas, as portas, as maçanetas, os puxadores, enfim, o banheiro inteiro, antes de você encostar qualquer parte do seu corpo em qualquer lugar. A criança imóvel, com aos mãos pro alto, como se estivesse sendo assaltada.
Pensei, em silêncio: Agradeço aos meus pais por terem me deixado tomar água da pia e sentado no vaso sanitário de diversos lugares, várias vezes, sem frescura.
Isso me fez mais forte e menos fresca. Não tenho medo de água gelada, sei fazer xixi de cócoras! Agradeço por terem me deixado andar descalça, por nunca terem me obrigado a usar sapato de boneca e por jamais terem me levado para passar tardes inteiras dentro de um shopping.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *