banheiro da diretoria

 

Os homens falam abertamente sobre masturbação. As mulheres, não. Fiquei impressionada quando, numa mesa de restaurante, cercada de casais amigos, resolvi fazer uma piada e disse que meu atual namorado era o chuveirinho do meu banheiro. Percebi que a maioria dos meninos não sabia ou fingiu que não sabia que o chuveirinho do banheiro [aquele que também é chamado de duchinha higiênica] é uma mão amiga quando o assunto é masturbação feminina. Injusto. Aliás, muito injusto. Sabemos que os homens se masturbam com frequência, sabemos que uma vida sexual ativa não os impede de tocar inúmeras punhetas.  Sabemos que punheta é fantasia e que numa dessas, até sua irmã ou sua babá é_ digamos_ homenageada.

Não faz sentido deixá-los por fora do que acontece com as mulheres, incluindo as que eles escolheram para casar. É comum o homem achar que a mulher só se masturba se não tiver uma vida sexual satisfatória. Pior. Alguns acham que as que se masturbam são safadas, no sentido mais pejorativo da palavra. Sim, estamos no Brasil, em 1912.

A masturbação feminina é um assunto delicado e evitado pelas próprias mulheres. Eles [os punheteiros] não fazem idéia do que rola neste mundo secreto e quase proibido. Pra tirar o chuveirinho do meu banheiro do foco, resolvi contar a história de uma amiga que se masturbava no banheiro da diretoria da empresa em que trabalhava, sempre perdendo a oportunidade de ficar calada. Entre uma e outra reunião, durante o coffee break, ela dava uma passadinha no banheiro da diretoria, que era o único privado e com duchinha. Voltava relaxada e mais disposta. Pronta para encarar mais duzentas apresentações sacais feitas em power point. O orgasmo feminino seda e estimula. A mulher se sinta mais inteligente e mais segura depois que se masturba. Bom, o assunto deixa as pessoas constrangidas e excitadas. O tesão atropela a moral e os bons costumes. Para os meninos, meio sem jeito, acabei falando sobre o controle da pressão e da temperatura da água, da distância entre a duchinha e o alvo, da mira e dos maravilhosos resultados muito rapidamente alcançados. Para as meninas, que permaneceram caladas e ruborizadas, não disse nada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *